12 junho 2017

Playlist: ALGUÉM PRA GOSTAR DE MIM

A banda Acústicos e Valvulados montou uma playlist bem romântica no Spotify  ALGUÉM PRA GOSTAR DE MIM, para ir entrando no clima do Dia dos Namorados.






08 junho 2017

Semana 19: Meus seriados preferidos











Confesso, eu sou bastante "bugada" quando se trata de ter séries preferidas e de ter o habito de seguil-as. As únicas vezes em que eu realmente consegui seguir TODOS os episódios de uma séries foram os seriados da Disney (Tá valendo né?).


FULL HOUSE - A comédia acontece em San Francisco e narra a história de um pai viúvo Danny Tanner, que, após a morte de sua esposa Pam em um acidente de carro, convoca seu melhor amigo Joey Gladstone e seu cunhado Jesse Katsopolis (irmão mais novo de Pam), para ajudar a cuidar de suas três filhas, D.J. , Stephanie eMichelle.


Gilmore Girls (Gilmore Girls: Tal Mãe, Tal Filha como conhecida em português) é um série de comédia/drama do canal americanoThe WB criada por Amy Sherman-Palladino e estrelada por Lauren Graham e Alexis Bledel, exibida no Brasil pelo canal Warner Channel na TV paga. A série estreou no The WB em 5 de outubro de 2000 e terminou em 15 de Maio de 2007 na sua sétima temporada no canal The CW. A série conta a história do cotidiano da mãe solteira Lorelai Victoria Gilmore (Lauren Graham) e sua filha Lorelai "Rory" Leigh Gilmore (Alexis Bledel) que vivem no pequeno povoado fictício de Stars Hollow, em Connecticut, pequena cidade com personagens bem peculiares e localizada cerca de trinta minutos de Hartford. A série explora diversos assuntos como família, amizades, conflitos geracionais e classes sociais.


Wizards of Waverly Place (em português: Os Feiticeiros de Waverly Place) é uma série de televisão estrelada por Selena Gomez e produzida em live-action e em animação. A série foi exibida pelo Disney Channel. Já ganhou três Emmy Awards. A série gira em torno de Alex Russo (Selena Gomez), que com seus irmãos Justin (David Henrie) e Max (Jake T. Austin) vivem uma vida normal, mas escondem um segredo: são feiticeiros em treinamento.


Sonny With a Chance (Sunny entre Estrelas no Brasil e Portugal) foi uma série de televisão norte-americana original do Disney Channel e estrelada por Demi Lovato que interpretou Sunny Munroe. A série, protagonizada por Demi Lovato, acontece nos bastidores de uma produção de Hollywood. A talentosa "Sunny" Munroe viaja desde o estado de Wisconsin, atravessa os Estados Unidos para unir-se ao elenco do So Random! (Sem Sentido!), em Los Angeles. O programa para crianças e adolescentes é um dos mais populares da TV. Seus colegas de elenco são a "rainha" adolescente local Tawni, o superamável Grady, o sociável e engraçado Nico e a pequena extravagante e a menor do elenco Zora. Agora, Sunny deve equilibrar de algum modo estas novas amizades enquanto se adapta a maneira de viver em Hollywood que, decididamente, é muito diferente da que vivia com sua família em. Enquanto isso, Sunny também deve competir com o arrebata corações Chad Dylan Cooper, com quem vive um relacionamento de amor e ódio, estrela do programa rival, Mackenzie Falls, que considera seu trabalho de ator dramático melhor que a Carreira de comediante dela.


Hannah Montana foi uma série de televisão norte-americana estrelada por Miley Cyrus. O seriado mostra a vida de uma garota que tem vida dupla: de dia ela é Miley Stewart, uma garota comum que vai à escola com seu irmão e, de noite, ela é a popstar Hannah Montana.2 A série estreou a 24 de março de 2006 pelo Disney Channel.

Ps: Ainda essa semana (sexta-feira) falo um pouco mais das Séries que vi nesses dois ultimos anos.


ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei tagarelando por lá também (principalmente no Snap!!):

07 junho 2017

Quando eu comecei a escrever?


Quando eu comecei a escrever sobre os meus hábitos de leitura... lembrei-me qu foi nessa mesma época, que eu fui alfabetizada com 7 anos eu comecei a escrever e fui uma das primeiras crianças da classe que conseguia juntar as letrinhas e formular palavras. Naquela época, eu ganhei um caderninho decorado que eu preenchia escrevendo o meu nome, o nome dos meus pais, os nomes dos meus parentes e o no nome do meu bichinho de estimação da época que era uma cachorrinha que se chamava Xinoca.

Na escola, os professores do ensino fundamental nos davam temas para escrevermos uma história. Anos mais tardes, os professores nomearam essa atividade como Redação e começaram a elogiar os meus textos. Foi assim que eu virei uma pessoa que escreve. Porém, criticavam a minha letra que era feia e as palavras tornavam-se indecifráveis... Eu estudava em uma escola onde o contra-turno se chamava Reforço escolar que funcionava no período matutino no máximo 3x por semana o exercício era escrever as minhas letras indecifráveis em um caderno de caligrafia.

Quando eu estava na 5° série do ensino fundamental eu fui transferida para uma escola particular... Além das apostilas do Positivo (bimestres) ganhávamos uma agenda com o slogan da escola. Nos recreios, eu adorava escrever sobre o meu dia-a-dia e copiar as musicas da dupla S&J e colar os meus adesivos que era a sensação da época... 

Um dia, quando eu estava escrevendo na minha agenda... Eu lembro que eu escrevia o fato de estar odiando a escola e as chacotas que eu sofria por causa das outras alunas... O meu texto foi censurado! Sim, algumas alunas falaram para a orientadora que eu estava escrevendo o nome das alunas em uma "lista-negra". A orientadora confiscou a minha agenda (morri de vergonha...) procurando a tal lista-negra e óbvio que era mentira. E desde esse dia, eu não escrevi mais nada naquela agenda. Nem em outras agendas escolares.... 
Anos mais tarde, eu ganhei o meu primeiro computador (semi-novo) como presente de aniversário de 15 anos. Naquela época, o computador tinha somente três joguinhos: o "paint" para desenhar e o Word 95 para escrever... Sem internet discada. Eu lembro da minha emoção quando eu criei a primeira pasta com o meu nome no computador com os meus escritos... Principalmente, eu não precisava sentir vergonha da minha letra. A coisa que eu mais gostava de fazer no computador além de escrever, era testar as diferentes tipos de fontes no Word.

Há primeira vez que ouvi falar sobre Blog ou algo parecido foi em 2002. Uma colega do grupo de jovens tinha um site pessoal (luxo!!!) que era muito parecido com o formato dos blogs pessoais dos dias de hoje... Eu comecei a escrever na internet em 2004, numa plataforma para jornalistas que era bastante precária, a linha editorial desde o meu primeiro blog é não-ter-linha-editorial e o meu principal tema é " eu e a minha bolha...". Escrevo sobre as minhas opiniões; sobre musicas, livros e atualidades. é um Blog pessoal comum diante tantos outros blogs: literários, crônicas, modas, decoração... 

Eu sempre me pergunto Porque eu escrevo? sempre lembro-me de um trecho da Clarice Lispector "Enquanto eu tiver perguntas e não houver resposta continuarei a escrever.". Acredito que essa minha ânsia de espremer meus sentimentos em palavras, esta no jogo de perguntas/respostas ao longo dos acontecimentos da vida... Eu escrevo por necessidade! Eu preciso escrever para espantar os meus "demônios anteriores..." preciso "arquivar", momentos e histórias para não esquecer... Preciso re-lêr essas postagens arquivadas para que eu possa me sinta melhor, por ter vivido esses momentos descritos e principalmente de ter superado esses momentos de alguma forma.

Esse meu blog atual Lado Milla veio para abrir um novo ciclo! E acabou tornando-se um espaço que eu sinto-me a vontade para escrever sobre o meu dia-a-dia e sobre os assuntos do cotidiano casa/faculdade/trabalho e sobre os meus hobbies; como fotografia, filmes, livros, musicas, séries... 

Nesse novo ciclo, eu conheci outras pessoas-que-escreviam-na-internet e os seus blogs tinham a mesma linha editorial "elas e suas bolhas..." era uma delicia "invadir " o blog dessas pessoas e se deparar com uma crônica muito engraçada de como foi perder pela milésima vez o ônibus naquela semana de provas da faculdade. #quem-nunca?! Hoje fui pesquisar "Minha lista de blogs" e pude verificar que a maioria dos blogs estão desatualizados, abandonados e excluídos...

A maioria dessas blogueiras que "migraram" para o newsletter acabam buscando muito daquilo que a blogosfera não lhe ofereciam mais... Foram poucas as blogueiras que manteram o blog juntamente com as newsletter e outras blogueiras abandonaram o blog para dedicar-se somente a newsletter ... Enquanto leitora, eu fui assinando os feed´s até ficar com a minha caixa de e-mail cheia sem conseguir ler a metade. Desisti da maioria dos feed´s que assinei :(

Escrever-na-internet é um grito no escuro... Porém, necessário. Sou "gente que escreve" mas, confesso que abrir um documento novo no word é sempre "assustador" tenho necessidades de escrever... Tenho desabafos elaborados na cachola que a mente insisti em censura-las e as minhas escritas acabam se perdendo nos "arquivos" da minha falta de memória.






ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei tagarelando por lá também (principalmente no Snap!!):






Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo